quarta-feira

ROTEIRO DE VIAGEM: 4 DIAS EM FLORIANÓPOLIS


E ai pessoal,

Com certeza, essa foi uma das viagens e um dos lugares mais incríveis que eu fui na minha vida: Florianópolis, sabe aquela viagem que absolutamente tudo dá certo? Pois é. 

Começou com a compra das passagens, consegui uma promoção imperdível no site da Gol e as passagens de ida e volta custaram pouco menos de 300 reais (eu acho muito barato).
Fiquei 4 dias na cidade, escolhi a região da Lagoa da Conceição, pois é uma área que tem de tudo, supermercados, praias, festas, lazer, restaurantes.

Me hospedei no hostel Sunset Backpackers, por R$40 a diária com um cafézão da manhã caprichado, indico muito esse hostel, além de ser lindo, é tudo muito limpinho e tem um bar no próprio hostel (perfeito, né?), é bacana também, porque nas noites, eles combinam de fazer uma comilança com os hóspedes na própria cozinha, então fica fácil interagir e fazer novos amigos.
                                                                                                                           
                                                                           
                                                                                                                                                                                      

Conheci as praias tradicionais de Floripa: Praia Mole, Joaquina e Matadouro, são todas absolutamente lindas, sem contar as dunas da Joaquina, com aquela areia extremamente fina e branquiiiinha. Eu fui em agosto de 2016, e como é Sul, o tempo estava bem friozinho, portando não deu para ficar curtindo aquele solzão na praia, mas deu para aproveitar. 
Fiz o meu mergulho de batismo (o primeiro) no mar de Floripa também, junto com uns amigos gringos, foi uma experiência incrível, nos primeiros instantes eu confesso que da um pouco de desespero, mas o pessoal da Floripadive faz de tudo pra ser o mais tranquilo e relaxante possível. Esse mergulho durou cerca de meia hora e custou R$250, é meio caro, mas eu garanto que vale a experiência, vi vários peixes, estrelas do mar, cavalos marinhos e outros seres do mar. 




Outro lugar bacana e free para se conhecer, é o mirante da Lagoa. É uma caminhada de cerca de 40min (um pouco pesada), mas que vale total o esforço, assisti o sol se pondo de lá de cima na Lagoa e nas minhas costas eu via a Praia Mole, é de tirar o fôlego. Na orla da Lagoa existem inúmeros restaurantes de todos os tipos, fui em um chamado ‘Casa do Chico’, é um dos mais caros, mas, pra quem curte uma comida de qualidade, compensa. 




Comi um salmão ao molho tropical e tomei uma breja artesanal e conta não ficou nada mais, nada menos, que 240 mangos, mas não me arrependo, pois a comida era realmente espetacular. 
Não aproveitei muito a noitada de Florianópolis (esse é um dos motivos que me faz querer voltar urgentemente), como tem um bar no hostel, eu ficava por lá mesmo, mas, em uma noite, eu conheci um forró muito bacana próximo as dunas, não me recordo o nome, o local é bem simples, mas a diversão é garantida. 

Floripa além de ser uma cidade limpa, é segura, me senti em casa naquele lugar e com certeza é uma cidade que eu moraria facilmente. Faço planos pra voltar ainda esse ano, porque eu realmente fiquei encantado.



Até a próxima,

Nenhum comentário:

Postar um comentário